Borboletas no estômago…

18/03/2011 § 1 comentário

Era inevitável lutar contra as borboletas no estômago, era impossível não sorrir à toa, estava apenas provando a si mesma que o nervosismo voltara a aparecer. Ela se cansava de tanto esperar, se irritava por durar tão pouco! Ela não desistiu, ainda acordava feliz como antes, ou pelo menos se esforçava; ela não podia esquecer seus pertences, tudo além do necessário. Foi mais uma daquelas tardes ensolaradas, onde seus olhos procuravam desesperadamente por um sinal, um simples par de olhos castanhos, que desejadamente estariam à sua espera, e talvez com o mesmo desespero para encontrá-la novamente. O nervosismo transpareceu, mais uma vez ela sorriu (borboletas inconvenientes), e sua marca foi deixada naquela vida; ela esqueceu com ele seu perfume, seu passaporte para voltar outra vez.

Mais uma vez!

Anúncios

§ Uma Resposta para Borboletas no estômago…

Resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento Borboletas no estômago… no ...O Vôo da Libélula....

Meta

%d blogueiros gostam disto: