19-05-2006 – Um dia para esquecer.

25/05/2006 § 1 comentário

Silêncio…a palavra ambígua, adoro-o e ao mesmo tempo odeio-o. Agora estou aqui perdida em meus pensamentos, sobre este silêncio aterrador que se torna um pesadelo, as paredes ganham vida, parecem alimentarem-se de luz, das sombras, de mim…é noite. Embora sob esse clima sinto-me estranhamente segura, tenho o meu velho amigo, ele está neste momento em toda a parte, ele é o silêncio, este velho amigo é meu confidente, só ele sabe o que sinto, o que penso, o que faço…por isso me assuta, ele sabe demais. Ele sabe de ti e o quanto fico triste por toda essa situação…Hoje está a ser difícil, não vou dizer datas, porque é um dia que não quero recordar. Talvez pensava que o mundo girava à minha volta e tenha descoberto que na realidade eu é que giro à volta do mundo…

 

Anúncios

§ Uma Resposta para 19-05-2006 – Um dia para esquecer.

  • Thaís disse:

    É todo ser humano um dia se sente assim … e esse é um dia e tanto, pelo visto não só pra mim.
     
    Adorei seus textos … você escreve muito bem e consegue transporto seus sentimentos em lindas palavras !!!!
     
     

Resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento 19-05-2006 – Um dia para esquecer. no ...O Vôo da Libélula....

Meta

%d blogueiros gostam disto: